inovacao cor barra 2d4f04

Práticas de Inovação Social

Espaço LOGOS

1. Identificação da Entidade – Prática

Qual a designação da prática: Espaço LOGOS
Prática em: Referenciação, Reconhecimento
Entidade Responsável pela Prática: Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena
Pessoa de Contato na Entidade: Sandra Rodrigues
E-mail: agrup.rpena@gmail.com
Telefone: 966613715

2. Identificação da Prática de Qualificação / Capacitação /Inovação Social

Identificação das áreas temáticas (Escolher a(s) opção/opções que melhor enquadre a prática): Desenvolvimento Rural, Desenvolvimento Local e de Base Comunitária, Empregabilidade / Empreendedorismo, Inovação Social
Objetivos e finalidade da Prática: Esta iniciativa que surgiu no âmbito do Projeto Educativo do Agrupamento/ Projeto de Intervenção da Diretora do Agrupamento. E consiste em desafiar os alunos na realização atividades de promoção de uma cultura de solidariedade no âmbito escolar. Esta intervenção centra-se na implementação de práticas sociais relevantes para a escola, tendo em vista colmatar problemas financeiros e reforçar a capacidade dos alunos resolução de problemas do dia-a-dia, no âmbito da disciplina “Construir o Percurso” e da oferta educativa “Educação para o empreendedorismo”. Com este projecto (Projeto Logos), pretendemos alavancar a população/ comunidade na resolução do problema social de falta de locais de emprego, reduzida dinâmica empresarial no concelho, e como consequência dificuldades financeiras, problemas sociais.
Beneficiários e destinatários - público-alvo: Os alunos destas disciplinas têm a oportunidade de promover ações centradas na solidariedade, funcionando como um espaço de participação cívica, envolvendo toda a comunidade educativa.
Parceiros comprometidos com a prática [Indique as organizações comprometidas, formal e informalmente, com a prática]: Pena Aventura Park
UTAD
Costa e Carreira, Lda
Caixa de credito Agricola
Mintepio
Caixa geral de depositos
CLDS
Anje - Associação de jovens empresarios
Identificação do Princípio(s) em que a prática se inscreve. Selecione uma ou mais das seguintes opções: Inovação Social

3. Fundamente a(s) escolha(s) acima referida(s): apenas o princípio que quer ver referenciado ou reconhecido

4. Caracterização e Construção da Prática

A que problema pretende responder? Que solução foi implementada?: Esta iniciativa em contexto escolar constitui-se como uma atividade regular que contribui para a sensibilização de crianças e jovens, nossos alunos, na medida em que ao diagnosticarem os problemas, através de análise apreendidas, como a análise SWOT, preparam posteriormente uma forma de colmatar essa dificuldade, do género de plano de melhoria e com consequente plano de trabalho constituído por um plano de negócios e um plano de ação.
Que competências foram necessárias para a construção da prática?: Foi necessário ter um conhecimento profundo da realidade que se pretende alterar, nomeadamente a precariedade em contexto escolar. Foi necessário também conceber um conjunto de jogos e dinâmicas adequadas à temática social e do empreendedorismo bem como às idades a que se destinavam.
Como foram envolvidos os beneficiários e destinatários da prática?: Os destinatários são os alunos do AE de Ribeira de Pena, assim como os beneficiários. Num primeiro momento, após a criação do projeto e sua aprovação pelo Conselho Pedagógico, foi feita uma pequena aferição dos recursos humanos disponíveis e quais aqueles que poderiam estar mais motivados para a implementação do projeto. Posteriormente, foi preparado todo o organigrama e respetivo programa a implementar.
Que metodologias e instrumentos foram utilizados?: As metodologias incluíram dinâmicas ativas de reconhecimento e disgnóstico de dificuldades nas áreas do sucesso escolar e social. Foram tidas em conta, também, sugestões de atividades para desenvolver na escola; desenvolvendo competências sociais e comunicacionais. Durante o desenvolvimento das atividades foi sempre implementada uma monitorização/avaliação com a consequente mudança de estratégias, quando necessária.
Que dificuldades e obstáculos foram encontrados? Quais as formas encontradas para os superar?: A primeira dificuldade encontrada, foi a forma de agregar no contexto escolar todo o projeto de forma global, tendo a Direção do Agrupamento de escolas resolvido o problema.
Outro constrangimento foi a dificuldade em debater ou aferir determinados problemas sociais a debelar, havendo a necessidade de cuidados redobrados para não suscitar mais incómodos sociais às crianças.
Por fim, esta mudança de mentalidade não se faz de uma vez e é preciso incuti-la nos docente e alunos.
A prática contribuiu para o reforço das competências dos atores, agentes e organizações envolvidos na sua construção? Quais e em que medida?: Esta prática contribuiu para o desenvolvimento pessoal de cada participante, assumindo responsabilidades sociais e o combate ao insucesso e abandono escolares, sendo esta prática de fácil aferição através dos resultados da avaliação escolar e dos resultados das atividades implementadas.
A prática demonstra valor e mais-valias que garantem a sua autossustentação e viabilidade?: As mais-valias resultantes desta prática de inovação social, segundo a nossa opinião, são visíveis através dos relatórios e monitorizações efetuadas no âmbito da autoavaliação do agrupamento, assim como do último relatório da IGEC em que menciona o caráter social da atividade desenvolvida pelos serviços educativos prestados.
Liste e anexe evidências relevantes para aprofundamento da prática (links sites, fotografias, documentos resumo, documentos síntese de avaliação, testemunhos, notícias, etc.: Livro escrito e ilustrado por alunos da escola - utilizado para campanha solidaria

Organização de um evento desportivo como forma de captar pessoas para conhecerem o concelho

Projeto de sustentabilidade

Anexos

RESULTADO_BTT.jpg
PREMIO_INOVA.jpg
POUPANu00c7A_AGUA.jpg
noticia1445334331.jpg
NOTICIA_PREMIO1.jpg
NOTICIA_LIVRO.jpg
desafio_solidario_2016.docx
campanha_solidaria_2015natal.jpg
ATIVIDADE_NOTICIA.jpg
APRESENTAu00c7u00c3O_LIVRO.docx

5. Transferência, Incorporação e Disseminação da Prática

Em que medida pensa que a prática pode ser útil a outras organizações?: Segundo a nossa experiência de implementação deste Projeto Logos - construir percursos/Educação para o Empreendedorismo e prevendo que estas dificuldades são comuns a outros organizações semelhantes, esta prática poderá servir de projeção para a melhoria das relações interpessoais e sociais nas áreas de abrangência do projeto, tais como combate ao insucesso escolar e respetivo abandono, o empreendedorismo e a solidariedade.
Em que medida estaria disponível para apoiar uma adaptação da prática a outros contextos ou trabalhá-la em parceria com a Rede ANIMAR?: Estaremos completamente disponíveis em alargar a nossa rede de parceiros, de forma a melhorar a nossa metodologia de trabalhar, otimizar os recursos e maximizar a obtenção de objetivos e se possível encurtar o tempo de atingir as metas, neste sentido a nossa instituição estará disponivel para trabalhar e adaptar a outros contextos desde que a rede animar responda e complemente a nossa visão do projeto que estamos a implementar e desenvolver.
Mostrar Entrada no Site: Sim, quero mostrar a minha entrada no site

Redes e Parcerias

Parceiro1 Cases   Parceiro2 Ripess   Parceiro3 CNES   Parceiro4 Comuna Carta Portuguesa para a Diversidade

Financiado Por

 financiadores02 financiadores03 financiadores04